RDBU| Repositório Digital da Biblioteca da Unisinos

A participação da fonte na construção da notícia: o caso Estúdio I

Show simple item record

metadataTrad.dc.contributor.author Koelzer, Mateus;
metadataTrad.dc.contributor.authorLattes http://lattes.cnpq.br/4164604777179645;
metadataTrad.dc.contributor.advisor Marocco, Beatriz Alcaraz;
metadataTrad.dc.contributor.advisorLattes http://lattes.cnpq.br/0598418499690877;
metadataTrad.dc.publisher Universidade do Vale do Rio dos Sinos;
metadataTrad.dc.publisher.initials Unisinos;
metadataTrad.dc.publisher.country Brasil;
metadataTrad.dc.publisher.department Escola da Indústria Criativa;
metadataTrad.dc.language pt_BR;
metadataTrad.dc.title A participação da fonte na construção da notícia: o caso Estúdio I;
metadataTrad.dc.description.resumo Essa dissertação tem como objetivo analisar, além do papel das fontes jornalísticas na contemporaneidade, as relações, os tensionamentos, os ruídos e principalmente como as novas plataformas tecnológicas têm ajudado os jornalistas na construção das notícias. Para tanto, escolheu-se como objeto de pesquisa o programa Estúdio I, da Globo News. A justificativa para a escolha desse objeto repousa na possibilidade de ter contato com diferentes práticas jornalísticas que envolvam as relações com as fontes, bem como perceber – in loco – como os recursos tecnológicos utilizados na revista eletrônica contribuem para o fazer jornalístico. Com inspiração etnográfica, esse estudo foi desenvolvido a partir das técnicas de observação participante junto às rotinas produtivas em uma edição ao vivo do programa. Na tentativa de contemplar uma discussão sobre fontes de informação utilizamos, por um lado, aportes teóricos acerca da construção do conceito e de tipologias; por outro, os críticos desta função jornalística voltados ao jogo de interesses entre jornalistas, fontes e a sua profissionalização. A partir da análise dos dados obtidos na observação dos processos produtivos, percebeu-se que, mesmo que o programa Estúdio I possua um formato diferente dos demais programas exibidos pela Globo News, a utilização das fontes pelos depoimentos, edição de falas e imagens, não ocorre de maneira diferenciada. Apesar de já haver sido identificada a evolução na linguagem da TV, constatamos que nada disso fará diferença sem que haja uma participação mais efetiva do público no que tange à concessão e apropriação de novas informações para o programa. A teoria do jornalismo revela que sem as fontes não há notícias; portanto, como se percebem mudanças estruturais nos programas no que diz respeito à linguagem, precisamos contemplar alterações que permeiem o universo das fontes e que essas se constituam como potenciais agentes de construção da informação.;
metadataTrad.dc.description.abstract The purpose of this thesis is to analyze not only the role of journalistic sources today, the relations, tensions, and noise in journalism, but mainly how new technological platforms have helped journalists build news. Thus, the object of our study is the show Estúdio I, on Globo News (Brazil). The justification for choosing this show is the possibility of having contact with different journalistic practices involving relations with sources, as well as observing – in loco – how technological resources used in electronic magazines contribute to producing journalism. Inspired by ethnography, the present research was based on participant observation techniques of the production routines of an edition of the live show. The discussion of sources of information made use of theoretical intake regarding the construction of the concept of typologies, on the one hand; and criticism of journalism directed to the self-interests of journalists, sources, and professionalization, on the other hand. Based on the analysis of data obtained from observing productive processes, one can see that though Estúdio I presents a different format from other shows broadcast by Globo News, the use of sources in interviews, and the edition of utterances and images, does not result in a format that stands out. Although the evolution of TV language has already been identified, we realized that none of this will make any difference without a more effective participation of the public regarding the concession and appropriation of new information for the show. Journalistic theory states that without sources there is no news; thus, since structural changes concerning language in shows can be observed, changes in the universe of sources must also be considered, and these sources should become potential agents in the construction of information.;
metadataTrad.dc.subject Fonte; Estúdio I; Produção; Produtores; Jornalismo; Telejornalismo; Televisão; Source; Production; Producers; Journalism; TV Journalism; Television;
metadataTrad.dc.subject.cnpq ACCNPQ::Ciências Sociais Aplicadas::Comunicação;
metadataTrad.dc.type Dissertação;
metadataTrad.dc.date.issued 2020-10-30;
metadataTrad.dc.description.sponsorship Nenhuma;
metadataTrad.dc.rights openAccess;
metadataTrad.dc.identifier.uri http://www.repositorio.jesuita.org.br/handle/UNISINOS/10770;
metadataTrad.dc.publisher.program Programa de Pós-Graduação em Ciências da Comunicação;


Files in this item

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search

Advanced Search

Browse

My Account

Statistics