RDBU| Repositório Digital da Biblioteca da Unisinos

Na borda extrema do visível: discursos sobre identidade nacional nas fotorreportagens de Pierre Verger em O Cruzeiro (1946-1951)

Show simple item record

metadataTrad.dc.contributor.author Ramos, Júlia Capovilla Luz;
metadataTrad.dc.contributor.authorLattes http://lattes.cnpq.br/6214932764711768;
metadataTrad.dc.contributor.advisor Marocco, Beatriz Alcaraz;
metadataTrad.dc.contributor.advisorLattes http://lattes.cnpq.br/0598418499690877;
metadataTrad.dc.publisher Universidade do Vale do Rio dos Sinos;
metadataTrad.dc.publisher.initials Unisinos;
metadataTrad.dc.publisher.country Brasil;
metadataTrad.dc.publisher.department Escola da Indústria Criativa;
metadataTrad.dc.language pt_BR;
metadataTrad.dc.title Na borda extrema do visível: discursos sobre identidade nacional nas fotorreportagens de Pierre Verger em O Cruzeiro (1946-1951);
metadataTrad.dc.description.resumo Como as reportagens fotográficas das festas populares do nordeste do Brasil, realizadas por Pierre Verger para a revista O Cruzeiro (1946-1951), se relacionam com a construção da nação brasileira na "Era Vargas"? Para responder a esta pergunta-problema, Michel Foucault (1926-1984) nos aponta um caminho: por meio dos discursos. Pretende-se, neste trabalho, discutir quais foram as contribuições das fotorreportagens de Pierre Verger para a construção de uma identidade nacional entre os anos de 1946 a 1951. Publicadas em O Cruzeiro, essas fotos propõem um jogo de invisibilidade e visibilidade ao articular o discurso do Estado, da revista e do próprio fotógrafo ("autor"), formando uma rede, sem, contudo, explicitar tal operação ou limitá-la ao que está dentro do quadro imagético. Tampouco, se trata de aprisionar tais fotografias num discurso pedagógico proposto a partir do Estado Novo, pois, ao mesmo tempo, elas apontam um esforço de escapar da episteme da época.;
metadataTrad.dc.description.abstract How do the photographic reports of folk festivals in the northeast of Brazil, made by Pierre Verger for the magazine O Cruzeiro (1946-1951), relate to the construction of the Brazilian nation in the "Vargas era"? To answer this problem question, Michel Foucault (1926-1984) points out one way: through the speeches. It is intended, in this work, to discuss what the contributions of Pierre Verger Photo Reports were, in order to build a national identity from 1946 to 1951. Those photos published in O Cruzeiro suggest an array of invisibility and visibility by articulating the discourse of the State, the magazine and the photographer himself ("author"), forming a network, without, however, making evident such operation or restrict it to what is inside the imaging picture. Nonetheless, it is about imprisoning such photographs in a pedagogical discourse proposed by the New State, because, at the same time, they show an effort to escape from the episteme of the time.;
metadataTrad.dc.subject Rede discursiva; Fotorreportagem; Pierre Verger; O Cruzeiro; Identidade nacional; Discursive network; Photo report; National identity;
metadataTrad.dc.subject.cnpq ACCNPQ::Ciências Sociais Aplicadas::Comunicação;
metadataTrad.dc.type Dissertação;
metadataTrad.dc.date.issued 2012-07-06;
metadataTrad.dc.description.sponsorship CAPES - Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior;
metadataTrad.dc.rights openAccess;
metadataTrad.dc.identifier.uri http://www.repositorio.jesuita.org.br/handle/UNISINOS/3362;
metadataTrad.dc.publisher.program Programa de Pós-Graduação em Ciências da Comunicação;


Files in this item

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search

Advanced Search

Browse

My Account

Statistics