RDBU| Repositório Digital da Biblioteca da Unisinos

Cooperação, confiança e interação: um estudo aplicado às corporações

Show simple item record

metadataTrad.dc.contributor.author Carvalho, Marinei Silva;
metadataTrad.dc.contributor.authorLattes http://lattes.cnpq.br/1046257143765047;
metadataTrad.dc.contributor.advisor Brito, Adriano Naves de;
metadataTrad.dc.contributor.advisorLattes http://lattes.cnpq.br/5936730831586107;
metadataTrad.dc.publisher Universidade do Vale do Rio dos Sinos;
metadataTrad.dc.publisher.initials Unisinos;
metadataTrad.dc.publisher.country Brasil;
metadataTrad.dc.publisher.department Escola de Humanidades;
metadataTrad.dc.language pt_BR;
metadataTrad.dc.title Cooperação, confiança e interação: um estudo aplicado às corporações;
metadataTrad.dc.description.resumo O presente estudo ocupa-se do tema cooperação e confiança em um diálogo com aplicação no mundo corporativo. A investigação inicia pelo estudo da dinâmica do comportamento do indivíduo em grupo com base na teoria de Raimo Tuomela, que divide a cooperação em dois modos básicos de interação: modo-eu e modo-nós. O ponto de destaque em sua análise é o modo-nós de interação, uma vez que os interesses dos membros do grupo são regulados pela condição de troca cooperativa, fazendo com que esses abandonem suas características individualistas e deem espaço às características interativas sociais, permitindo, dessa forma, o surgimento de níveis de relacionamentos mais refinados. O segundo aspecto terá por objetivo alicerçar a cooperação em bases naturais. Tal aspecto será examinado pelo viés darwinista, sendo a cooper ação considerada um instinto social que evoluiu frente à seleção natural. A confiança será apresentada logo após, juntamente com a moralidade, ambas firmadas nos sentimentos morais, ocupando o papel de mantenedoras das interações cooperativas. Seguindo, a última análise deste trabalho irá se debruçar sobre o diálogo entre cooperação e confiança com as organizações empresariais e sua ética, a partir de uma análise da dinâmica dos indivíduos (modo-eu) inseridos no grupo (modo-nós).;
metadataTrad.dc.description.abstract This study deals with the concepts of cooperation and trust applied to corporations. The text begins by studying the dynamics of individual behavior in the collective, based on the theory of Raimo Tuomela, which divides cooperation in two basic modes of interaction: mode-me and mode-us. An important feature in his analysis is the mode-us interaction, since the interests of the group members are regulated by the condition of a cooperative exchange, making them abandon their individualistic characteristics and accept the social interactive features, allowing thus, the emergence of more refined levels of relationships. The second aspect will study cooperation in its natural bases. This aspect will be examined by a Darwinist point of view, cooperation being considered a social instinct that evolved through natural selection. The concept of trust will be presented along with morality, both deeply related with moral feelings, both occupying the role of sustaining cooperative interactions. Finally the final part of this study will analyze the dialogue between cooperation and trust with business organizations and their ethics, from an analysis of the dynamics of individuals (mode-me) inserted in the group (mode-us).;
metadataTrad.dc.subject Cooperação; Confiança; Evolução; Sentimentos morais; Ética empresaria; Cooperation; Trust; Evolution; Moral sentiments; Business ethics;
metadataTrad.dc.subject.cnpq ACCNPQ::Ciências Humanas::Filosofia;
metadataTrad.dc.type Dissertação;
metadataTrad.dc.date.issued 2012-09-28;
metadataTrad.dc.description.sponsorship Nenhuma;
metadataTrad.dc.rights openAccess;
metadataTrad.dc.identifier.uri http://www.repositorio.jesuita.org.br/handle/UNISINOS/4631;
metadataTrad.dc.publisher.program Programa de Pós-Graduação em Filosofia;


Files in this item

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search

Advanced Search

Browse

My Account

Statistics