RDBU| Repositório Digital da Biblioteca da Unisinos

Do player à interface: escavações publicitárias no youtube em busca da relação entre os meios

Mostrar registro simples

Autor Amaral Filho, Lúcio Siqueira;
Lattes do autor http://lattes.cnpq.br/4347713946164397;
Orientador Fischer, Gustavo Daudt;
Lattes do orientador http://lattes.cnpq.br/6063859084730300;
Instituição Universidade do Vale do Rio dos Sinos;
Sigla da instituição Unisinos;
País da instituição Brasil;
Instituto/Departamento Escola da Indústria Criativa;
Idioma pt_BR;
Título Do player à interface: escavações publicitárias no youtube em busca da relação entre os meios;
Resumo Esta pesquisa aborda a relação entre os meios e o seu comparecimento nas peças publicitárias produzidas para o YouTube. Para tanto, um primeiro movimento leva a pensar a web como multimeio, uma vez que ela atua como agente de transformações culturais e sociais no ambiente em que é inserida. Ao estabelecer um diálogo com outros meios, ela acaba por representá-los ou incorporá-los, apropriando-se de suas linguagens e gramáticas, na tentativa de atingir um status de real, além de conectar os usuários com dados culturais através do seu caráter informático. Em um segundo momento são discorridas as especificidades da publicidade na web, propondo três fases na sua trajetória: um novo ambiente, capaz de aumentar a segmentação dos públicos, individualizando a heterogenia dos públicos dos meios de massa; o protagonismo do meio, quando o seu foco foi a interação com o meio em si; e o protagonismo do usuário, no momento em que a construção de relacionamentos a partir dos sites de redes sociais ganhou força para estreitar os laços entre marcas e consumidores. Após, ingressa no YouTube e na variedade de abordagens por parte de autores que o tem como objeto de estudo, atestando o seu caráter mutante e complexo. Essas características são observadas a partir de fragmentos escavados no tempo do site, levando a despontar audiovisualidades publicitárias do jogo entre o usuário e a interface. Por fim, por meio de um “agir arqueológico” que escavou e coletou peças publicitárias produzidas para o YouTube através de fragmentos encontrados no tempo, foram cartografadas as constelações ambiência, reforma e homenagem, as quais contêm empíricos da homepage, da watch page e de brand channels, verticalizando o olhar para a identificação do fenômeno da relação entre os meios nessas peças publicitárias.;
Abstract This research approaches the relationship between the media and their attendance in the advertising materials produced to YouTube. Therefore, a first move makes to consider the web as multimedium, since it acts as an agent of cultural and social changes in the environment which it is inserted. By establishing a dialogue with other medium, it turns out to represent them or incorporate them, appropriating their languages and grammars, in an attempt to achieve a real status, and connect users with cultural data through their computer character. In a second stage are elaborated upon the specifics of web advertising, proposing three phases in its history: a new environment, able to increase the segmentation of audiences, individualizing the heterogeneous public of the mass media; the protagonism of the medium, when its focus was the interaction with the environment itself; and the protagonism of the user, at the time building relationships from social networking sites gained strength to narrow connections between brands and consumers. After, it enters on YouTube and in the variety of approaches by authors that has it as object of study, attesting his mutant and complex character. These characteristics are observed from fragments excavated on the time of the site, leading to emerge advertising audiovisualities in the game between user and interface. Finally, through an “archaeological act” that excavated and collected advertising materials produced to YouTube through fragments founded in the time, were cartographied the constellations ambience, reform and homage, which contains empiricals of the homepage, watch page and brand channels, verticalizing the look for the identification of the relationship between the media phenomenon in these advertising materials.;
Palavras-chaves Publicidade; Arqueologia da mídia; YouTube; Audiovisualidades; Web; Advertising; Media archaeology; Audiovisualities;
Área(s) do conhecimento ACCNPQ::Ciências Sociais Aplicadas::Comunicação;
Tipo Tese;
Data de defesa 2016-04-06;
Agência de fomento Nenhuma;
Direitos de acesso openAccess;
URI http://www.repositorio.jesuita.org.br/handle/UNISINOS/5273;
Programa Programa de Pós-Graduação em Ciências da Comunicação;


Arquivos deste item

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Mostrar registro simples

Buscar

Busca avançada

Navegar

Minha conta

Estatística