RDBU| Repositório Digital da Biblioteca da Unisinos

Análise da exatidão posicional na integração de dados de (sub)superfície em modelos digitais de afloramentos a partir de sensores remotos não orbitais

Show simple item record

metadataTrad.dc.contributor.author Silva, Reginaldo Macedônio da;
metadataTrad.dc.contributor.authorLattes http://lattes.cnpq.br/6651465224516056;
metadataTrad.dc.contributor.advisor Veronez, Maurício Roberto;
metadataTrad.dc.contributor.advisorLattes http://lattes.cnpq.br/0157177135951013;
metadataTrad.dc.contributor.advisor-co1 Tognoli, Francisco Manoel Wohnrath;
metadataTrad.dc.contributor.advisor-co1Lattes http://lattes.cnpq.br/5634161518689104;
metadataTrad.dc.publisher Universidade do Vale do Rio dos Sinos;
metadataTrad.dc.publisher.initials Unisinos;
metadataTrad.dc.publisher.country Brasil;
metadataTrad.dc.publisher.department Escola Politécnica;
metadataTrad.dc.language pt_BR;
metadataTrad.dc.title Análise da exatidão posicional na integração de dados de (sub)superfície em modelos digitais de afloramentos a partir de sensores remotos não orbitais;
metadataTrad.dc.description.resumo O crescente avanço de novas tecnologias na área das geociências, como o posicionamento por GNSS, o mapeamento por GPR ou a geração de modelos tridimensionais com a técnica LIDAR permite a integração de técnicas de sensoriamento remoto em diferentes aplicações nas geociências. Para isso é necessário experimentar, testar e avaliar cientificamente o potencial de integração dessas diferentes tecnologias, de forma a explorar em sua plenitude os diferentes tipos de dados. A análise, descrição e interpretação de afloramentos são atividades corriqueiras dos trabalhos de campo geológicos. Apesar do avanço tecnológico das últimas décadas, a obtenção de dados quantitativos a partir do uso de instrumentos não se sobrepôs à tradicional forma de aquisição de dados pelos geólogos: a observação da rocha. Dessa forma, o estudo de afloramentos constitui uma fonte indispensável para a obtenção de dados intermediários entre as escalas megascópica (e.g., geologia regional) e microscópica (e.g., amostra), que por sua natureza são dependentes de aquisição por sensores remotos e instrumentos diversos. O principal desafio em pesquisas dessa natureza é integrar dados quantitativos e digitais, obtidos por instrumentos com diferentes princípios de aquisição e integrá-los aos dados qualitativos e analógicos obtidos pela subjetividade da percepção do geocientista. O objetivo deste trabalho foi analisar, testar e validar essa abordagem multidisciplinar para a modelagem de afloramentos considerando um estudo de caso real no Afloramento Morro Papaléo. Para tanto, considerou-se como premissa que o modelo geológico resultante da integração de dados de diferentes naturezas não tivesse erro posicional em ordem de grandeza superior à resolução espacial do sensor com maior limitação de amostragem. A integração de dados segundo procedimentos metodológicos adequados permitiu gerar um Modelo Digital de Afloramento (MDA) que tornou possível visualizar, medir e interpretar com exatidão a geologia a partir de uma representação geológica do objeto de estudo. A validação de campo foi realizada para assegurar que a qualidade da metodologia proposta pode ser utilizada nesse tipo de estudo. Quanto aos dados de subsuperfície, por meio de seções geofísicas, foi possível estabelecer correlações entre os dados obtidos com a técnica LIDAR, o que permitiu integrar dados de superfície e de subsuperfície. Portanto, com o estabelecimento do modelo 3D gerado numa base de dados consistente, calibrada e validada pode-se a qualquer tempo adicionar dados e incrementar o modelo de forma dinâmica.;
metadataTrad.dc.description.abstract The increasing advance of new technologies in the field of geosciences, such as GNSS positioning, mapping by GPR or the generation of three dimensional models with the LIDAR technique allows the integration of orbital and non-orbital remote sensing techniques for different applications in geosciences. Thus, it is necessary to experiment, test and scientifically evaluate the potential of integration of these different technologies in order to explore the different types of data. The analysis, description and interpretation of outcrops are daily activities of the geological fieldwork. Despite the technological advances in the last decades, the acquisiton of quantified data from instruments and sensors did not substitute the traditional source of data of the geologists: the observation of the rock. Thus, the study of outcrops is fundamental in the acquisition of intermediate data between the megascopic (e.g. regional geology) and microscopic scales (e.g., sample), quite dependent of acquisition by remote sensors and instruments. The main challenge in this type of research is to integrate quantitative digital data obtained by instruments and sensors based on different principles with qualitative, analogic data, obtained by the subjective perception of the geoscientist. The main purpose of this study was to analyze, test and validate this multidisciplinary approach to the modeling of outcrops considering a real case study in Morro Papaléo Outcrop. For this, it was considered as a premise that the geological model resulting from the integration of different data had not a positional error in an order of magnitude higher than the spatial resolution of the more limited sensor. The data integration using appropriate methodological procedures allowed generate a Digital Outcrop Model (DOM) which made it possible to view, measure and accurately interpret the geology from a 3D geological representation. The field validation was performed to ensure that the quality of the proposed methodology can be used in this type of study. Through geophysical sections was possible to correlate subsurface data with those obtained with the LIDAR technique, allowing data integration of surface and subsurface data. Therefore, with the establishment of the 3D model generated in a consistent database, calibrated and validated, at any time more data can be added to this dynamic model.;
metadataTrad.dc.subject Sensoriamento remoto; Modelagem geológica; Modelo digital de afloramento; LIDAR; GPR; GNSS; Remote sensing; Geological modeling; Digital outcrop model; LIDAR; GPR; GNSS;
metadataTrad.dc.subject.cnpq ACCNPQ::Ciências Exatas e da Terra::Geologia;
metadataTrad.dc.type Tese;
metadataTrad.dc.date.issued 2014-08-11;
metadataTrad.dc.description.sponsorship CAPES - Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; PROSUP - Programa de Suporte à Pós-Gradução de Instituições de Ensino Particulares;
metadataTrad.dc.rights openAccess;
metadataTrad.dc.identifier.uri http://www.repositorio.jesuita.org.br/handle/UNISINOS/7431;
metadataTrad.dc.publisher.program Programa de Pós-Graduação em Geologia;


Files in this item

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search

Advanced Search

Browse

My Account

Statistics