RDBU| Repositório Digital da Biblioteca da Unisinos

A produção de cartas das mulheres do Programa Mulheres Mil como objeto de pesquisa em História da Educação (Campus Açailândia – MA, 2012-2013)

Show simple item record

metadataTrad.dc.contributor.author Frazão, Raquel Cardoso;
metadataTrad.dc.contributor.authorLattes http://lattes.cnpq.br/8276767487530549;
metadataTrad.dc.contributor.advisor Grazziotin, Luciane Sgarbi Santos;
metadataTrad.dc.contributor.advisorLattes http://lattes.cnpq.br/0388501284300091;
metadataTrad.dc.publisher Universidade do Vale do Rio dos Sinos;
metadataTrad.dc.publisher.initials Unisinos;
metadataTrad.dc.publisher.country Brasil;
metadataTrad.dc.publisher.department Escola de Humanidades;
metadataTrad.dc.language pt_BR;
metadataTrad.dc.title A produção de cartas das mulheres do Programa Mulheres Mil como objeto de pesquisa em História da Educação (Campus Açailândia – MA, 2012-2013);
metadataTrad.dc.description.resumo Essa pesquisa tematiza a produção de cartas pelas alunas do Programa Mulheres Mil, ofertado pelo Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão, nos anos de 2012 a 2013, na cidade maranhense de Açailândia. O tema da pesquisa insere-se no campo da História da Educação e ancora-se nos pressupostos da História Cultural. O objetivo geral do estudo é analisar as representações sobre o Programa e sobre os percursos de vida das alunas, a partir da produção de cartas na disciplina de Língua Portuguesa e na Oficina Mapa da Vida. As fontes de pesquisa foram 20 cartas escritas por alunas, sendo 10 na disciplina de Língua Portuguesa, ofertada à turma do ano de 2012, e 10 cartas escritas por alunas da turma de 2013, na oficina Mapa da Vida, ambas as atividades ministradas pela autora da pesquisa. Além das cartas, foram analisados os documentos produzidos pelo Governo Federal acerca do funcionamento do Programa. O Programa Mulheres Mil iniciou como projeto em 2007, resultado de um acordo bilateral entre o Brasil e o Canadá, a fim de qualificar mil mulheres das regiões Norte e Nordeste brasileira, pela vulnerabilidade social em que vivem uma parte delas. Em 2011, o projeto tornou-se Programa e consubstanciou-se em uma política pública de gênero. Nesse percurso chegou ao Maranhão e em Açailândia e sua implementação ocorreu no mesmo ano, com a oferta do Curso Básico de Qualificação Profissional em Alimentos. Em 2015, o Programa deixou de funcionar no respectivo Campus, por razões oficiais, as quais desconhecemos. Com a pesquisa, percebeu-se que as alunas participantes desse curso,segundo relato encontrado nas cartas, viam no Programa uma oportunidade para ingressarem no mercado de trabalho, montar seu negócio e voltar a estudar. No entanto, a proposta dessa política em garantir acesso ao trabalho e ao estudo não se mostrou suficiente para inserir a todas as mulheres participantes do curso no mercado de trabalho local.;
metadataTrad.dc.description.abstract This research thematizes the production of letters by the students of the Thousand Women Program, offered by the Federal Institute of Education, Science and Technology of Maranhão, in the years 2012 to 2013, in the Maranhão city of Açailândia. The theme of the research is in the area of History of Education and anchored in the assumptions of Cultural History. The general objective of the study is to analyze the representations about the Program and the life course of the students, from the production of letters in the discipline of Portuguese Language and in the Map of Life Workshop. The research sources were 20 letters written by students, 10 in the Portuguese Language course, offered to the class of the year of 2012 and 10 letters written by students of the class of 2013, in the workshop Map of Life, both activities taught by the author of the search. In addition to the letters, the documents produced by the Federal Government about the operation of the Program were analyzed. The Thousand Women Program started as a project in 2007, the result of a bilateral agreement between Brazil and Canada, in order to qualify a thousand women from the North and Northeast regions of Brazil, due to the social vulnerability of a part of them. In 2011, the project became a Program and consubstantiated in a gender public policy. In this course it arrived in Maranhão and in Açailândia and its implementation occurred in the same year, with the offer of the Basic Course of Professional Qualification in Food. In 2015, the Program ceased to function on its campus, for official reasons, which we do not know. With the research, it was noticed that the students participating in this course, according to the report found in the letters, saw in the Program an opportunity to enter the job market, set up their business and go back to study. However, the proposal of this policy to guarantee access to work and study was not enough to include all the women who participated in the course in the local labor market.;
metadataTrad.dc.subject Programa Mulheres Mil; Escritas ordinárias; Cultura escrita; História das mulheres; Representação feminina; Thousand Women Program; Ordinary writings; Written culture; Female representation;
metadataTrad.dc.subject.cnpq ACCNPQ::Ciências Humanas::Educação;
metadataTrad.dc.type Dissertação;
metadataTrad.dc.date.issued 2018-08-08;
metadataTrad.dc.description.sponsorship IFMA - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão;
metadataTrad.dc.rights openAccess;
metadataTrad.dc.identifier.uri http://www.repositorio.jesuita.org.br/handle/UNISINOS/7484;
metadataTrad.dc.publisher.program Programa de Pós-Graduação em Educação;


Files in this item

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search

Advanced Search

Browse

My Account

Statistics