RDBU| Repositório Digital da Biblioteca da Unisinos

Estudo de prevalência de sedentarismo nas mulheres adultas residentes na zona urbana de São Leopoldo

Show simple item record

metadataTrad.dc.contributor.author Masson, Carmen Rosane;
metadataTrad.dc.contributor.authorLattes http://lattes.cnpq.br/0669272317365968;
metadataTrad.dc.contributor.advisor Costa, Juvenal Soares Dias da;
metadataTrad.dc.contributor.advisorLattes http://lattes.cnpq.br/1814222047018585;
metadataTrad.dc.publisher Universidade do Vale do Rio do Sinos;
metadataTrad.dc.publisher.initials UNISINOS;
metadataTrad.dc.publisher.country Brasil;
metadataTrad.dc.publisher.department Escola de Saúde;
metadataTrad.dc.language pt_BR;
metadataTrad.dc.title Estudo de prevalência de sedentarismo nas mulheres adultas residentes na zona urbana de São Leopoldo;
metadataTrad.dc.description.resumo O objetivo desta pesquisa foi classificar a prática de atividades físicas em São Leopoldo, RS. Foi realizado um estudo transversal de base populacional em 40 setores censitários da cidade incluindo as mulheres de 20 a 60 anos. A análise dos dados envolveu dois desfechos tentando caracterizar as mulheres que eram sedentárias, insuficientemente ativas e ativas. Entre as 1026 mulheres entrevistadas, 380 (37,0%; IC95% 34,0 a 40,0) não referiram realizar nenhuma atividade física no lazer, sendo classificadas como sedentárias. E, somente 37 (3,6%; IC95% 2,5 a 4,7) foram classificadas como ativas. Foram encontradas diferenças estatisticamente significativas em relação à classe social, escolaridade, cor da pele, número de filhos, índice de massa corporal e hipertensão arterial. Os achados do estudo sugerem como tentativa de reversão da prevalência de sedentarismo encontrado a implementação de políticas municipais com ênfase na criação de aparelhos e espaços públicos para prática de atividade física em comunidades ca;
metadataTrad.dc.description.abstract The objective of this study is to classify the practice of physical activities among women in São Leopoldo, RS, Brazil. A cross-sectional study of the urban population was developed in 40 census’s sectors with 1026 women aged 20 to 60 years old. Data analysis followed two paths and women were categorized as sedentary, insufficiently active or active. We observed 380 women (37.0%; CI95% 34.0 to 40.0) did not perform any physical activity in their leisure time, they were classified like sedentary. Only 37 (3.6%; CI95% 2.5 to 4.7) were classified as active. Statistically significant differences were related to social class, education, color, parity, body mass index and arterial hypertension. Based on the findings of this study, we suggested the establishment of local policies with emphasis on the implementation of public facilities and spaces for the practice of physical activities in low-income communities.;
metadataTrad.dc.subject aptidão física; atividade física; atividades de lazer; estilo de vida; exercício; and physical fitness; leisure; life style; physical activity;
metadataTrad.dc.subject.cnpq Ciências da Saúde;
metadataTrad.dc.type Dissertação;
metadataTrad.dc.date.issued 2004-08-31;
metadataTrad.dc.description.sponsorship Nenhuma;
metadataTrad.dc.rights openAccess;
metadataTrad.dc.identifier.uri http://www.repositorio.jesuita.org.br/handle/UNISINOS/2920;
metadataTrad.dc.publisher.program Programa de Pós-Graduação em Saúde Coletiva;


Files in this item

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search

Advanced Search

Browse

My Account

Statistics